Hupes aborda temas importantes para gestores e profissionais das áreas da saúde e de comunicação na Bahia

Não é difícil encontrar hoje em dia pessoas que compram “medicamentos” comercializados na internet sem a devida prescrição médica ou que ainda caem nas famosas “Fake News”. A interferência que as mídias sociais têm nas políticas públicas e como a gestão tem trabalhado a comunicação com seus colaboradores e usuários são alguns dos temas que serão abordados no I Encontro de Comunicação e Saúde da Bahia, no dia 7 de dezembro, na Escola de Saúde Pública do Estado.

O evento, pioneiro na Bahia, pretende chamar a atenção sobre a importância da comunicação para as organizações de saúde, assim como os desafios da atualidade com os avanços das mídias digitais. Serão mais de 25 convidados entre professores, pesquisadores, gestores e profissionais das áreas de comunicação e saúde, que abordarão diversos temas como: Saúde e Jornalismo, Comunicação Interna, Mídia Digital, Ciência e Sociedade, Tecnologias em Saúde, Fake News, Propaganda enganosa nas redes, Políticas de Saúde, além de oficinas práticas de comunicação.

A inscrição será solidária, mediante doação de 2 latas de leite em pó que serão destinadas às Obras Sociais de Irmã Dulce (OSID), e estará aberta até o dia 30 de novembro. As vagas para o evento são limitadas.

O evento é uma realização da Assessoria de Comunicação do Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos (Hupes/UFBA/Ebserh) juntamente com o Grupo de Pesquisa Educação e Comunicação em Saúde (ISC|UFBA) e o Sistema Universitário de Saúde (SIUNIS/UFBA).

Inscrições: www.ecoms-ba.ufba.br

Publicado por conrerp5 em 18 - novembro - 2019 Destaques Eventos Notícias

Deixe seu comentário